Franquias: 5 caminhos para seu negócio gerar leads

No mundo das franquias algumas estratégias são essenciais para gerar leads; saiba como atrair potenciais consumidores para seu negócio

Leads é um termo muito discutido em nosso blog e é utilizado para definir as pessoas que, de alguma forma, demonstraram interesse no seu negócio.

Dentro do marketing digital está o conceito lead nurturing, que envolve a elaboração de estratégias para que os leads mantenha o máximo de interesse em sua marca.

O objetivo final é transformar o lead em seu consumidor efetivo e fiel.

A forma com que as empresas lidam com seus leads é diferente e isso envolve tanto o perfil da empresa quanto o público-alvo.

De fato não existe uma fórmula pronta para captar cada vez mais leads ou fazer lead nurturing.

Para que isso seja agregado ao marketing do empreendimento é preciso planejar, por meio de pesquisa e coleta de dados.

Dentro do universo de franquias, esse planejamento envolve um campo muito maior de pessoas.

Portanto, para que uma franquia gere leads, é necessário criar estratégias que possam abranger públicos mais variados e que de fato tenham acesso às unidades da rede.

Resumindo, as estratégias de marketing digital envolvem a interação da marca e o consumidor em potencial.

A atratividade online depende exclusivamente da praticidade.

Veja agora os 5 caminhos para que as empresas iniciantes no ramo do franchising gere cada vez mais leads. Vamos lá?

1 – Landing Pages e hotsites

Fazer uma lista de contatos é a melhor maneira de reunir pessoas com possível interesse nos produtos ou serviços de uma empresa, certo?

Mas como fazer isso na internet? A melhor forma, com certeza, é por meio de landing pages ou hotsites.

A primeira é uma espécia de página de redirecionamento, onde o objetivo é destacar as ideias principais de uma campanha.

Já a segunda, normalmente envolve a produção de conteúdos interativos, que vai fazer com o que o usuário interaja com a sua marca.

Optando pela produção de tais páginas, sua empresa vai conseguir reunir informações de usuários como: nome, e-mail e, quem sabe, telefone.

A sacada dessas estratégias é pedir as informações do usuário para que o mesmo acesse o conteúdo das páginas.

No caso das landing pages, o e-mail tem o papel de ser um canal de envio de mais informações sobre a campanha ou sobre a marca, por exemplo.

Com esses acessos é possível montar uma lista valiosa de contatos, ou seja, os seus leads.

Lembre-se: as landing pages e os hotsites são o primeiro contato que seus possíveis leads têm com a sua empresa.

2 – Newsletters e promoções

Atualmente podemos dizer que o e-mail marketing é mais uma forma de gerar leads do que essencialmente gerar propaganda de algo.

Isso, na verdade, é uma forma de não fazer com que seus e-mails se tornem chatos.

É por meio dele que você vai conseguir manter o interesse daqueles usuários que já passaram por landing pages ou hotsites.

E isso pode ser feito por meio de newletters semanais ou até mesmo quinzenais. Fazendo isso você vai deixar os usuários sempre por dentro das novidades da marca.

Algumas promoções também podem ser enviadas por e-mail, incentivando assim a visualização da mensagem e o engamento.

Não se esqueça de sempre deixar a possibilidade para o usuário de interromper o recebimento de e-mails, nem todos gostam e ninguém é obrigado a receber nada.

Lembre-se sempre que a comunicação via e-mail deve ser bastante natural e simples.

Os assuntos precisam ser fáceis e chamativos, com pouco conteúdo e com botões que redirecionem os mais interessados.

3 – Utilize links e botões de ação

Uma ótima maneira de fazer os usuários engajarem com suas campanhas é por meio de links e botões de ação.

A prática de simplificar o conteúdo, além de proporcionar leveza em informação, consegue oferecer muita informação o tempo todo.

Quando você utiliza botões de ação ou linking building, além de deixar os conteúdos mais simples, você ainda atinge muitos leads.

Os botões de ação nada mais são que links que levam o usuário para outras páginas.

O objetivo é apresentar o produto ou tentar vendê-lo, aproximando ainda mais o visitante da sua marca. Alguns exemplos de botões de ação são: Saiba mais!; Garanta a promoção; Baixe a apresentação, etc.

Já os link building são “hiperlinks” utilizados em meio a conteúdos de texto.

Isso aumenta o tempo de navegação do lead em páginas relacionadas à empresa e seus produtos ou serviços.

4 – Impulsione publicações e ads em redes sociais

Impulsionar publicações é uma estratégia que funciona muito bem em redes de franquias.

Funciona principalmente porque é possível redirecionar o que foi impulsionado para determinados territórios.

Portanto, se a empresa precisa melhor o trabalho em determinados locais, as campanhas podem ser feitas com mais intensidade nessas áreas.

Uma das ferramentas mais eficientes para isso é o Facebook Ads.

O Facebook, Instagram e Twitter utilizam lógicas parecidas no Ads, sendo que a única diferença é como os anúncios aparecem nos feeds dos usuários.

Funciona da seguinte forma: as redes sociais analisam as atividades dos seus participantes e separam o que é possivelmente relevante para seu interesse.

A partir disso os anúncios vão começar a aparecer na time line daquela pessoa que, de certa forma, demonstra interesse no que você oferece.

Impulsionar publicações faz com que você reforce os leads já existes e também capte novos.

5 – Google Ads

Da mesma forma que existem anúncios nas redes sociais, também existem anúncios nas ferramentas de busca.

O Google Ads é o queridinho das equipes de marketing digital que querem resultados práticos e rápidos.

Ele funciona como links que ficam disponíveis nos resultados de busca do usuário, de acordo com as palavras-chave utilizadas.

O rankeamento desses links é definido por relevância. Por isso que os anúncios são muito bem direcionados.

Pronto para gerar e nutrir novos leads para a sua franquia com essas dicas? Não se esqueça de tratá-los da melhor maneira possível. Bom trabalho!

Leia também o post em que citamos 5 dicas valiosas para atrair mais franqueados.