Faça um bom fluxo de nutrição de leads e garanta o sucesso da sua indústria

Um bom fluxo de nutrição produz leads qualificados para vendas e aumenta as chances de conversão da sua empresa

Todo o cliente passa por uma jornada quando descobre que precisa resolver algum tipo de problema.

O processo é de amadurecimento até que por fim o cliente encontra uma solução.

Agora vamos levar um questionamento para dentro da sua indústria.

Por exemplo, quantas vezes você já conversou com um consumidor que ainda não estava pronto para comprar?

Isso porque talvez ele não tinha certeza da prioridade do problema, talvez precisasse considerar outras soluções, conversas com outras pessoas ou precisava se um tempo.

Situações como essa precisam ser resolvidas com a nutrição de leads.

A estratégia respeita o processo da jornada de compra do cliente sem o perder de vista.

Portanto, se você conseguir trabalhar bem essa nutrição, as chances de efetuar a venda serão grandes.

Resumidamente, a nutrição de leads produz leads qualificados para as vendas.

Fazendo isso é possível otimizar os investimentos e ainda criar um relacionamento bacana entre a sua marca e a audiência.

Por isso que a seguir vamos falar sobre o conceito de nutrição de leads, sua relação com as vendas e como montar um fluxo de sucesso. Vamos lá?

O que é fluxo de nutrição de leads?

De maneira simples podemos dizer que o fluxo de nutrição de leads é uma sequência de e-mails.

O objetivo é educar a sua audiência e mostrar os valores e os diferenciais da sua marca.

Mas como isso funciona?

Simples, a partir do momento que você começa a fazer um bom fluxo, o seu público-alvo identificará nos produtos da sua indústria a solução que ele estava buscando.

Essa técnica ajuda a:

  • melhorar o relacionamento;
  • personalizar a entrega de conteúdos;
  • conduzir o prospect para que ele tenha uma determinada ação (normalmente fazer uma compra).

Qual a relação entre o fluxo e o funil de vendas?

Quem conduz o lead pela jornada de compra até o fechamento da compra é o funil de vendas.

Por isso você pode criar conteúdos para cada etapa do funil de vendas e, assim, melhorar a experiência do seu prospect.

Imagine que uma indústria de embalegens percebeu que precisa:

  • em um primeiro momento (topo do funil) demonstrar que embalagens de papelão são a melhor opção para a logística de varejo;
  • no meio do funil, explicar como a customização das embalagens tem destaque se o papelão for de qualidade;
  • no fundo do funil, apresentar a empresa como a melhor solução, que oferece embalagens de papelão com a melhor relação custo-benefício.

Deu para entender?

Dessa forma você consegue disponibilizar para o seu lead várias sequências de conteúdos, com o objetivo de atender diferentes expectativas e necessidades.

Como criar um bom fluxo de nutrição?

Você precisa estabelecer um objetivo antes de montar um fluxo de nutrição eficiente.

Além disso, é importante que os times de marketing e vendas estejam trabalhando juntos e contribuam com a construção desse fluxo.

Ofereça informações relevantes

A nutrição dos leads é feita de forma segmentada, por isso, é legal você adaptar a sua linguagem à persona que você está enviando.

Pense no estágio que essa pessoa se encontra e leve para ela conteúdos que agreguem valor: o inbound marketing ajuda muito nesse processo.

Desenvolva materiais ricos

Usando a estratégia de marketing de conteúdo, você consegue oferecer para seus leads formatos que chamam atenção como vídeos, infográficos, e-books e webnários.

Voltando ao exemplo da indústria de embalagens.

Você pode criar um e-book, por exemplo, falando sobre os tipos de impressão em caixas de papelão e como cada uma delas pode atrair prospects.

Em seguida você pode enviar alguns vídeos com depoimentos e finalizar sugerindo o contato com o time de vendas.

Utilize ferramentas de automação

Quando você começa a usar ferramentas de automação, como CRM e e-mail marketing, o seu fluxo passa a ser automático, escalável e segmentado.

Além disso, você consegue entender melhor o perfil do seu cliente ideal, proporcionando uma entrega inteligente, rápida e personalizada.

Crie um caminho para o seu lead

Quem vai definir a quantidade de mensagens que você deverá enviar será o objetivo do seu fluxo.

Normalmente um fluxo de nutrição costuma ter de quatro a seis e-mails.

Inicialmente você se apresenta, depois oferece conteúdos que tornem o problema daquele contato evidente.

Em seguida, você apresenta sua empresa como uma solução.

Monitore sempre!

É muito importante que você faça o acompanhamento das métricas do seu fluxo, isso porque você pode melhorar a performance ou mudar algo.

Por meio da taxa de abertura você consegue saber os assuntos mais acessados pelos leads e os mais relevantes.

Sem dúvida alguma a nutrição de leads é um processo essencial dentro da sua empresa.

É essa estratégia que vai melhorar a sua relação com seus possíveis clientes.

Use fluxos para cada tipo de persona que a sua empresa tem e os diferentes estágios do funil.

Lembre-se de também implementar ferramentas de automação e monitorar o desempenho de cada fluxo.

Lei também o artigo em que falamos sobre os leads e como eles podem mudar a sua indústria.