Lorem ipsum dolor sit amet

Lorem ipsum dolor sit amet, consetetur sadipscing elitr, sed diam nonumy eirmod tempor invidunt ut labore et dolore.
26 de novembro de 2018

Inbound Marketing: 8 dicas para criar uma campanha eficiente

A estratégia de Inbound Marketing visa atrair e converter leads por meio de conteúdos relevantes oferecidos pela sua empresa

 

Quando falamos em campanha baseada em Inbound Marketing quer dizer que suas equipes estarão responsáveis por criar e compartilhar conteúdos de qualidade para o seu público-alvo.

Por meio das infinitas possibilidades da internet, a intenção não será “empurrar” produtos para o seu lead comprar, igual acontece no Outbound Marketing.

O objetivo é atrair o seu público por meio de informação e por fim conseguir vender para quem realmente quer comprar.

A ideia do Inbound Marketing é relativamente recente e muito diferente das velhas campanhas de marketing realizadas antigamente.

Ao invés de ser intruso e inconveniente, a intenção é que a empresa consiga despertar o interesse daquele usuário com muita informação.

Segundo pesquisas, o Inbound Marketing é 62% mais barato e possui um ROI (Retorno Sobre Investimento) médio de 275%.

Agora chegou o momento em que vamos te ensinar a estruturar uma campanha com Inbound Marketing.

Acompanhe a seguir 8 dicas para que tudo ocorra perfeitamente e te traga resultados.

 

Primeira dica: saiba quem é sua persona

Como toda campanha, é necessário que você tenha definido o seu público específico.

Quem você quer atrair? Para responder a isso, é interessante a criação de “personas”.

Elas são personagens, com nome, profissão, idades, necessidades, hábitos e problemas.

É através dessa definição que você vai conseguir pensar em como trabalhar.

Você pode ter várias personas e várias campanhas em andamento, uma para cada uma delas.

Mas, para o início, é recomendado começar com apenas uma.

 

Segunda dica: a oferta

Toda companha começa com uma oferta, isso é fato.

A diferença é como essa oferta vai atingir o seu público de interesse, que você já definiu na primeira etapa do processo.

Pensando com Inbound Marketing, é necessário que você consiga de alguma forma atrair o interesse do seu visitante.

Você pode fazer isso oferecendo uma solução para o problema que ele estava pesquisando.

Para que isso aconteça é importante identificar esse problema para produzir conteúdos que ajudem essa persona.

Nesta etapa do processo essa persona pode ser chamada de MQL (lead qualificado de marketing).

Essa oferta será disponibilizada por meio de conteúdos gratuitos como: whitepapers, ebooks, guias, calculadoras, checklists, vídeos e outros materiais.

Existe também outro tipo de lead, aquele que já foi impactado e está mais familiarizado com sua empresa.

Estamos falando do SQL (lead qualificado de vendas).

O ideal é que você ofereça conteúdos que façam com que sua marca seja valorizada.

Os conteúdos que podem ajudar este lead a optar pela compra de seus produtos/serviços são: webseminários, casos de estudo, demonstração grátis, catálogos, FAQ’s etc.

Para aquele lead que está interessado, mas ainda está em cima do muro e não se decidiu, é interessante ofertar outros conteúdos.

Como por exemplo demos, amostras grátis, consultas gratuitas, cupons de desconto e outras.

 

Terceira dica: landing pages e CTAs (call-to-action)

Criação de landing pages, também chamadas de “páginas de destino”, são páginas do seu site específicas para promover uma oferta.

É interessante e muito importante que você crie uma para a sua empresa, já que elas são um intermédio entre o clique e a oferta.

Nelas os seus visitantes, que de alguma forma foram atraídos para essa página, preencherão as informações para adquirirem os conteúdos que você vai disponibilizar para eles.

É preciso ter muito cuidado para desenvolver uma landing page, já que é necessário cuidar de diversos detalhes para que a oferta seja atrativa.

Além disso, também é preciso saber colher as informações corretas para que os leads sejam qualificados corretamente.

Já com as CTAs (call-to-action) é possível chamar o usuário para a ação.

Esse recurso é uma forma de chamar atenção e levar o seu visitante para outra postagem do blog, ou para a landing page.

Posteriormente se inicia a conversão desse lead, só assim será possível nutri-lo, qualifica-lo e, por fim, leva-lo para o fundo do seu funil de vendas.

 

Quarta dica: nutrição de leads

Seu visitante é convertido em lead a partir do momento que preenche as informações da sua landing page.

Ele já estará pronto para receber conteúdos e qualidade que vão ajuda-lo a resolver o seu problema.

A nutrição de leads é importante porque permite que as vendas aconteçam de forma mais rápida.

Assim o seu lead avança rapidamente o funil de vendas por meio da entrega de conteúdo.

Com um processo bem estruturado, a estratégia pode aumentar em 50% o número de leads, que já estarão prontos para ser enviados para o time de vendas.

Importante frisar que o custo desse processo é mínimo, cerca de 33% mais barato.

 

Quinta dica: uso de email

Muitas pessoas dizem que não, mas o email ainda é um dos recursos mais importantes para divulgar o seu conteúdo baseado em Inbound Marketing.

Captando esses email de forma correta, você poderá segmentar o público e enviar conteúdos específicos para cada tipo de pessoa.

Tudo isso baseado em pesquisas que definem o interesse de cada pessoa.

O importante também é sempre acompanhar as métricas do email marketing e observar as taxas de abertura, taxas de cliques e as conversões em negócio no website.

 

Sexta dica: ter um blog

Ter um blog é importantíssimo para o Inbound Marketing. Hoje, muitas empresas possuem, porém, não atualizam com frequência.

Criar uma programação semanal ou até mesmo mensal é interessante para alavancar o seu blog e, consequentemente, o seu negócio.

No fim das postagens você pode utilizar CTAs para levar o seu visitante para seu site ou página.

Os textos dos blogs podem ser sobre novidades da área, dicas ou até mesmo um post para divulgação de algum produto.

Elaborar releases também é interessante para enviar para portais de notícias. Isso pode gerar um retorno positivo para a sua marca.

 

Sétima dica: esteja presente nas mídias sociais

Se você quer gerar tráfico para o seu site, chegamos na dica certa.

Aquele conteúdo postado no seu blog pode e deve estar presente nos canais sociais da empresa.

Até mesmo a sua landing page deve ser divulgado dessa forma.

O uso da mídia paga no Faceebok é uma excelente estratégia e que traz muitos resultados para o seu negócio.

Os resultados são ampliados mais facilmente quando o seu engajamento na rede social é grande.

 

Oitava dica: análise e ajustes

Analisar e ajustar as métricas das suas campanhas é muito importante.

Os resultados obtidos poderão ajudar de forma crucial quais serão seus próximos passos, pois serão apresentados seus erros e acertos.

Dessa foram você poderá estar atento ao que está errado para melhor e ao que está certo para investir ainda mais.

 

Concluindo

O processo para criar uma campanha baseada no Inbound Marketing pode parar complexo, mas não é.

Se feito da maneira correta, a sua empresa vai conseguir gerar tráfico e converter os leads em negócios.

Conheça agora 6 dicas para gerar leads usando o Inbound Marketing.

26 de novembro de 2018

Cadastre-se para receber noticias e promoções

    Mais lidos

    12 de agosto de 2022
    Instagram ou Tiktok: qual você prefere?

    Sabe aquele famoso quiz “qual você escolhe?”, como dinheiro ou fama? Cachorro ou gato? Netflix ou Amazon Prime? Pois é, temos uma pergunta aqui que balança as redes sociais já há um bom tempo, sendo: Qual você prefere: Instagram ou Tik Tok? Apesar de os dois serem redes sociais, um é bem diferente do outro. […]

    Leia mais
    29 de julho de 2022
    (DE GRAÇA) Como gerar leads no Google, Facebook e Instagram?

    Gerar leads é um dos principais objetivos do marketing digital e é possível fazer essa tarefa tanto no Google, como no Face e Insta. Confira!

    Leia mais
    22 de julho de 2022
    Qual o melhor custo por lead? Aprenda como calcular o CPL 

    Neste artigo, você vai entender o que é e como calcular o custo por lead, podendo se certificar de que o investimento vale a pena. Confira!

    Leia mais
    15 de julho de 2022
    Google Lead Forms: o que é, como usar e dicas da Prospecta

    O Lead Form é um recurso que veio para ajudar a impulsionar a captação de leads da empresa. Sabia como usar esse recurso, clique no post!

    Leia mais
    Não somos uma agência. Somos especialistas em jornadas de consumo digital, aquisição e retenção de clientes saudáveis e apaixonados.




      PROSPECTA DIGITAL  © 2022 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
      Política de privacidade